Relatório aponta percentual de 15,54% da testagem em massa com resultado positivo em São Mateus do Sul

 Relatório aponta percentual de 15,54% da testagem em massa com resultado positivo em São Mateus do Sul

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou informações sobre os 5.000 testes realizados para Covid-19 em São Mateus do Sul. Destes 4.223 apresentaram resultados negativos e 777 positivos, sendo 202 para IgG e 141 IgG/IgM. Outras 434 pessoas foram isoladas por apresentarem IgM positivo na detecção para o Coronavírus, em testes rápidos feitos entre os dias 29/03 a 01/04 e 05/04 a 07/04 no Centro da Juventude.

Estas 434 pessoas, conforme o relatório, seguiram o protocolo da Secretaria de Saúde do Estado do Paraná (SESA), ou seja, orientados a coletar exame de RT-PCR (exame que detecta o RNA do vírus) na Unidade Sentinela da Covid-19 e aguardarem o resultado em isolamento domiciliar. O Laboratório Central do Estado do Paraná (LACEN) leva de três a quatro dias para informar sobre a testagem.

Para estes, a comprovação que tiveram algum contato com o Coronavírus e, na testagem com anticorpos do tipo IgM, houve ou há uma infecção e poderiam estar transmitindo a Covid-19. “Esses trabalhadores só foram liberados para atividades laborais e do isolamento domiciliar mediante resultado do RT PCR ou TR AG negativo”, informa o relatório, o que significa ‘não estarem mais com vírus ativo e nem transmitindo’.
Destas 434 pessoas, muitas optaram por fazerem o TR AG (antígeno) que detecta a proteína do núcleo capsídeo viral do SARS-CoV-2 na fase ativa da infecção por Covid-19 em laboratórios particulares e, assim, saberem se estavam com o vírus ativo ou não. Sendo coletados 298 exames de RT PCR e 136 pessoas fizeram TR AG. O resultado final mostrou somente 52 pacientes ainda em estágio de transmissão.

Estes 52 com o vírus ativo, 23 com resultado TR AG e 29 com resultado de RT PCR, seguiram o protocolo de isolamento domiciliar por mais dez dias, somados aos quatro já cumpridos no aguardo do exame. Tendo o acompanhamento das equipes quanto ao avanço da doença, recebendo atendimento especializado e monitoramento das equipes da Secretaria Municipal de Saúde.

O restante destes 777 detectados na testagem dos 5.000, ou seja 343 são-mateuenses, estão sendo analisados pelo setor de Vigilância Epidemiológica para compreender se os anticorpos são por contatos com o vírus SARS-CoV-2 (se são pessoas que já tiveram a doença) ou que já receberam a vacina contra a Covid-19. Este estudo pode identificar o efeito da imunização feita frente à doença.

Em síntese, para uma população em torno de 45.800 pessoas – conforme estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2018 e projeção de 46.700 habitantes em 2020 – e aproximadamente 11% de cidadãos testados se concluiu que pouco mais de 15,5% tiveram contato com a Covid-19. Mas, quase a metade, 44%, têm anticorpos numa infecção assintomática ou por efeito da imunização.

As doações dos exames foram da prefeita Fernanda Sardanha, vice-prefeito Adão Staniszewski, secretários municipais, empresários e entidades são-mateuenses: os dois Rotaries, lojas maçônicas, ACIASMS (Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de São Mateus do Sul), IG-Mathe, Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Observatório Social e Conselho de Desenvolvimento Econômico de São Mateus do Sul (Codesamas).

O Centro da Juventude recebeu os cidadãos, delimitados por empregados do comércio no período da manhã e população em geral à tarde. Uma equipe organizada com voluntários, servidores e contratados trabalhou neste atendimento. O custo total, conforme o relatório da prefeitura, foi de R$ 13.535,00. Sendo R$ 6.035,00 para pagar colaboradores e R$ 7.500,00 para os exames, no caso doados.

Da redação Cultura Sul FM com informações do relatório da prefeitura de São Mateus do Sul

Veja também