Deputado garante ‘nova opção’ para prefeitura de São Mateus do Sul e aponta ‘possível’ mudança em Triunfo

0
2118

Os grupos políticos estão em ascendente discussão sobre as tratativas relacionadas ao processo eleitoral que inicia em breve. Seis meses antes da data do primeiro turno haverá possibilidade de trocas de partidos, o que pode ocasionar grande ‘dança das cadeiras’. A tendência é de um cenário de grandes mudanças, configurada nas discussões de bastidores que estão eminentes.

São Mateus do Sul deve ter alterações no cenário para disputa e nomes conhecidos, somados de novos que, teoricamente, vão postular o executivo, e também o legislativo, pela 1ª vez. Isso deve ocorrer em outras cidades da região. Mas o real da disputa só será possível observar quando das filiações finalizadas, início de abril de 2020 (180 dias antes da data do 1º turno).

Mesmo assim, depois de tudo isso, ainda no prazo final das convenções é que se definem os postulantes ao cargo de prefeito, em todas as 5.570 prefeituras. No caso, de São Mateus do Sul, em passagem pelo município de União da Vitória na semana passada, o deputado federal Toninho Wandscheer (PROS) sinaliza interesse do seu estafe em indicar candidatura ‘opcional’.

“Em São Mateus, sem dúvida alguma, nós teremos e daremos uma nova opção para o povo de São Mateus para votar. Espero realmente que tenhamos uma eleição limpa, tranquila aonde aquele que o povo escolher, o eleitor escolher que é melhor para São Mateus venha a governar São Mateus”, opinou Wandscheer. O deputado, ainda, mencionou as tendências para São João do Triunfo.

Ao ser perguntando sobre as possibilidades para o município e prefeito Abimael do Valle (PT), o parlamentar até desconversou e sinalizou ‘certa independência’, mas sem negar e nem confirmar a vinda dele para a sua sigla, o PROS. “Nós temos procurando fazer uma parceria com o município. Eu acho que o partido ele é importante, sem dúvida alguma”, explica.

No entendimento de Wandscheer, o intuito é levar em conta a cidade. Se colocando à disposição para discutir o assunto, inclusive, com outras siglas no município. “Nós não temos discriminação contra nenhum partido, nós entendemos que é uma aliança em favor da cidade.” Por sua vez, Abimael do Valle, ao, também, ser questionado sobre esta possível mudança respondeu à reportagem.

“Natural que haja vários convites para mudanças partidárias, tanto Toninho [Wandscheer] quanto Guto [Silva – secretário Chefe da Casa Civil/PR]. Mas não tem nada de concreto, momento agora é de trabalho, e deixar essas questões políticas para ano que vem”, apontou Abimael do Valle.

Da redação com imagens da assessoria do deputado Toninho Wandscheer e mapa do cidade-brasil.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome