Motorista tira 12 crianças pela janela antes de ônibus escolar ser tomado pela água em SC

 Motorista tira 12 crianças pela janela antes de ônibus escolar ser tomado pela água em SC

Foto: Rádio Nativa FM

Um ônibus escolar foi tomado pela água em Capinzal, no Oeste de Santa Catarina, durante um temporal na cidade (foto acima). Municípios catarinenses entraram em “alerta máximo” para deslizamentos de terra e desabamentos de estruturas, nesta sexta-feira (3), segundo a Defesa Civil. Um idoso morreu em Ipira.

Conforme a Secretária de Educação do município, Veranice Lovatel, ao perceber a água subindo, na tarde de quinta-feira (2), o motorista tirou as crianças pela janela do veículo. Ninguém ficou ferido.

Ela afirma que a foto, que mostra o ônibus parcialmente submerso, foi feita cerca de duas horas depois da retirada dos estudantes, quando a água já havia subido. As crianças foram retiradas em segurança, segundo ela.

“Quando ele parou nesse ponto, a água ainda estava chegando no ônibus. Então ele parou para poder tirar os alunos, deixou o ônibus ali e seguiu por um outro acesso até o vizinho mais próximo, que acolheu todos eles até nós podermos levar todos para casa, com segurança”, informou Lovatel.

Os ocupantes tinham entre 12 e 15 anos. As aulas seguem suspensas na cidade nesta sexta-feira.

Só na cidade, são pelo menos 19 desalojados, sendo 13 adultos, cinco crianças e um bebê. Todos foram levados para um hotel e estão sob cuidados da Assistência Social, informou a Defesa Civil do município.

Um dos estragos foi registrado por câmeras, que flagraram a estrutura de uma casa, e onde também funcionava um comércio, sendo “engolida” por uma cratera que se abriu na quinta-feira. Há risco de novos desabamentos.

No estado, 19 cidades registraram estragos, de acordo com relatório da Defesa Civil estadual das 17h de quinta-feira.

Alerta máximo

Em dois dias, choveu mais de 200 milímetros em Capinzal e Piratuba. O volume é o dobro do esperado para o mês de maio em todo o estado.

Na mesma região, Itá está em alerta. Em Ipira, um idoso de 61 anos foi encontrado nesta sexta-feira morto após desaparecer ontem. Ele dirigia um carro que foi levado pela correnteza do alagamento.

Já no Sul catarinense, outra região que está em alerta, ao menos dois municípios estão em alerta, além das cidades que aparecem em atenção e em observação para desastres naturais.

Praia Grande, capital dos cânions e conhecida pelo turismo de aventura, e Araranguá decretaram situação de emergência por conta das inundações e desastres naturais.

Portal Cultura Sul com informações G1

Fique bem informado, clique no ícone abaixo e faça parte da nossa comunidade, recebendo as notícias em primeira mão:

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal 97 pelo WhatsApp (42) 99907-2942 ou (42) 9833-7197

Últimas notícias