Bebê de 7 meses faleceu em transferência por ambulância de suporte básico do SAMU

 Bebê de 7 meses faleceu em transferência por ambulância de suporte básico do SAMU

Alana Sophia Cordeiro Batista, de 7 meses, não resistiu às complicações renais e veio a óbito nesta sexta-feira (26/03). A morte da criança de São Mateus do Sul ocorreu quando era transferida para o Hospital Infantil Waldemar Monastier em Campo Largo. Com problemas no rim, a criança passou por internamento no Hospital e Maternidade Doutor Paulo Fortes e faleceu no município de Palmeira.

A bebê esteve internada no Hospital Paulo Fortes por motivo de mal formação renal bilateral com insuficiência renal, desde a madrugada do dia 25 de março. Na sexta-feira (26/03) se viabilizou a transferência para o hospital da região metropolitana de Curitiba, sob os cuidados do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Nela foi utilizada uma ambulância de suporte básico.

A reportagem apurou que a “Unidade de Suporte Básico do SAMU de São Mateus do Sul foi regulada e acionada pela Central de Regulação de Curitiba para uma transferência de um paciente do Hospital Paulo Fortes para o Hospital Infantil Waldemar Monastier em Campo Largo.” A menina seguiu em direção à região metropolitana da capital paranaense, pela PR-151 em direção à BR-277.

Neste deslocamento, a equipe do SAMU “percebeu um agravamento do quadro e parou no município de Palmeira (mais próximo da onde estavam) para um suporte de atendimento junto a Santa Casa do município, onde o paciente ficou sobre os cuidados do hospital com profissional médico.” É o que relatou, à pedido da reportagem, a empresa UNI-SOS que opera o serviço na região.

Alana Sophia teve parada cardiorrespiratória em Palmeira e todo o trabalho médico para reanimar, mas sem êxito. A criança faleceu no Hospital Santa Casa e seu corpo foi liberado para familiares realizarem o velório e sepultamento, na tarde deste sábado (27/03) no cemitério da Colônia Taquaral.

Da redação Cultura Sul FM com informações da UNI-SOS

Veja também