SC amplia restrições em novo decreto para ‘frear’ o contágio do Coronavírus

 SC amplia restrições em novo decreto para ‘frear’ o contágio do Coronavírus

A informação do Governo do Estado de Santa Catarina é de que a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTIs), nesta quarta (24/02), estava em 91,18% no Sistema Único de Saúde (SUS). Atingindo a maior em toda a pandemia. O novo decreto, que entra em vigor nesta quinta-feira (25/02) tem validade de 15 dias e reduz presença de público em igrejas e cinemas e lotação em transporte público.

O mesmo documento estendeu o ‘estado de calamidade pública’ em Santa Catarina até 30 de junho de 2021. Até então, tal medida estava em vigor até 28 de fevereiro, próximo domingo. Segundo a publicação caberá às Polícias Militar e Civil a fiscalização e cada municípios pode estabelecer suas próprias medidas específicas de enfrentamento mais restritivas, de acordo com o entendimento da municipalidade.

Com o novo decreto, as casas noturnas e de espetáculos estão proibidas de abrir. Venda e consumo de bebidas alcoólicas em postos de combustíveis e lojas de conveniência proibida entre 0h e 6h. O transporte coletivo urbano municipal, intermunicipal e interestadual dever ser reduzido ao limite de 50% de passageiros dentro do veículo. O sistema operava com até 70%.

Parques temáticos e zoológicos; cinemas e teatros; circos e museus; e igrejas e templos religiosos têm redução do limite de funcionamento para 25% de ocupação. Mesmo percentual de pessoas frente à capacidade máxima para bares, eventos sociais e de qualquer natureza, inclusive os na modalidade drive-in; congressos, palestras e seminários, feiras, exposições e inaugurações que só podem funcionar das 6h às 23h59.

A medida limita o horário, entre 6h às 23h59, para academias e centros de treinamento; piscinas de uso coletivo, clubes sociais e esportivos e quadras esportivas, sendo proibidas essas atividades aos sábados e domingos; shopping centers e centros comerciais; e restaurantes, cafeterias, pizzarias, casas de chás, casas de sucos, lanchonetes, confeitarias, padarias e afins, limitada a entrada de novos clientes para até 23h.

As agências bancárias, correspondentes bancários, lotéricas e cooperativas de crédito devem operar somente com atendimento individual. Fazendo o controle de entrada e distanciamento de 1,5 metro entre as pessoas. Ainda, a utilização de faixas de areia de praias, parques, praças, jardins botânicos, balneários e demais espaços públicos somente estão permitidos sem gerar aglomeração.

Ao todo, os números oficiais desta quarta-feira, mostram que Santa Catarina teve o registro de 652.895 pessoas com Covid-19 desde o início da pandemia. Com 7.114 mortes por complicações da doença. 15 das 16 regiões do estado estão no chamando nível gravíssimo para o Coronavírus e outra em situação considerada como grave, o que levou o governo Carlos Moisés à emissão do novo decreto.

Da redação com informações do Governo de Santa Catarina e foto Secom/SC

Veja também