Prefeitura de PG amplia restrições com a chegada da nova cepa

 Prefeitura de PG amplia restrições com a chegada da nova cepa

No fim da tarde desta quarta-feira (24/02), a prefeita Elizabeth Schmidt (PSD) anunciou novas medidas restritivas para evitar a propagação da covid-19 em Ponta Grossa. A maior preocupação, segundo a comandante do Executivo, é que já há comprovação da circulação de uma nova variante do coronavírus no município. Além disso, a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e de enfermaria nos hospitais públicos e privados da cidade estão acima dos 90%.

“Estamos acompanhando esse processo e estamos agindo, para diminuir a velocidade de contágio e o aumento dos casos graves, com desfecho fatal e a ocupação de leitos hospitalares (…) Por isso decidimos adotar medidas mais específicas e severas, com vigor até dia 9 de março”, explica a gestora municipal. A primeira delas é a ampliação do horário do toque de recolher – a partir de sexta-feira (26), a circulação de pessoas ficará restrita entre 22h e 6h, com autorização para delivery até as 23h.

Então, bares, restaurantes, lojas de conveniência e outros estabelecimentos não essenciais estão proibidos de funcionar após as 23 horas. Será proibida a colocação de mesas e cadeiras para atendimento a clientes nas calçadas. Mais uma medida adotada pela Prefeitura é a proibição de eventos, festas e confraternizações com mais de dez pessoas, com exceção de encontros do mesmo núcleo familiar.

O decreto que será publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (25) também proíbe, até 9 de março, as atividades esportivas coletivas como futebol, vôlei e basquete. Também está proibido o uso de piscinas de clubes, condomínios e associações para o lazer. Estabelecimentos de alimentação, como bares e restaurantes, e praças de alimentação dos shoppings da cidade terão atendimento restrito a 50% da lotação máxima do ambiente.

“A partir desta quinta-feira já teremos ações de fiscalização e orientação, com a participação da Guarda Municipal, Vigilância Sanitária, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e secretaria da Fazenda”, sinaliza a prefeita, afirmando ainda que o decreto que será publicado nesta quinta deve trazer outras medidas que serão adotadas pelo governo municipal.

Da redação do Portal Cultura Sul fm com informações aRede

Veja também