Maria Fumaça retorna à Lapa e realiza passeios turísticos em junho

 Maria Fumaça retorna à Lapa e realiza passeios turísticos em junho

Com a mensagem ‘A Lapa voltou a ser Lapa’ um evento nesta quinta-feira (25/02) vai abordar a retomada dos passeios de trem para lapeanos e visitantes. Tudo dentro dos critérios sanitários vigentes, mas preservando a memória ferroviária e possibilitando que as pessoas desfrutem do atrativo que carrega sobre os trilhos lembranças, memórias e faz um curso pela história local, regional e brasileira.

O evento é na Câmara de Vereadores a partir das 14h. O Centro de Memória Ferroviária da Lapa organiza a atividade que rediscute o retorno dos passeios para o mês de junho (05 e 06, 12 e 13). “O trem da Lapa, o trem dos namorados, o trem casamenteiro, o trem de Santo Antônio e o trem que vem justamente no dia do aniversário da Lapa [13 de junho]”, destaca o ferroviarista Márcio Assad.

Tudo está sendo organizado em parceria com a Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), de acordo com Assad que coordena o Centro de Memória Ferroviária da Lapa. Dentre as quatro datas estipuladas está o dia de Santo Antônio, 13 de junho, que é também aniversário da Lapa. Tudo sem abrir mão dos cuidados com a saúde das pessoas, por conta da pandemia e seguindo as determinações estabelecidas.

Nem o chamado ‘Trem eventual da Lapa’ – que é considerado na modalidade o que possibilita o melhor passeio de Maria Fumaça no Brasil pela questão cultural que agrega –, realizou passeios em 2020 devido ao Coronavírus. Contudo, orientado por profissionais de Saúde e “aprendendo a conviver com a nova realidade”, conforme Márcio Assad, será promovido o retorno. “É importante que estejamos nos organizando”, disse.

As viagens de Maria Fumaça, naturalmente, potencializam a lembrança saudosa dos mais velhos e permitem que a história seja retransmitida para os familiares mais novos. “É uma alegria muito grande”, frisa o coordenador Centro de Memória Ferroviária da Lapa. “O avô saudoso levando o seu netinho para poder contar como era no tempo”, acrescenta. A reunião dessa quinta-feira vai definir a organização desta retomada.

Da redação com informações e foto do Centro da Memória da Lapa/Márcio Assad

Veja também