Entidades anunciam cumprimento de Decreto Estadual em São Mateus do Sul

 Entidades anunciam cumprimento de Decreto Estadual em São Mateus do Sul

Um comunicado emitido em conjunto pela Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de São Mateus do Sul (ACIASMS), Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e Conselho de Desenvolvimento Econômico de São Mateus do Sul (CODESAMAS) afirma que serão acatadas as determinações do Decreto Estadual nº 6983, emitido na manhã desta sexta-feira (26/02), na tentativa de frear a proliferação de Covid-19.

Representantes das três entidades entregaram um manifesto para o Executivo Municipal sobre o fechamento do comércio. “Com relação a autonomia do município, o jurídico [prefeitura] explicou que o Ministério Público pode intervir caso a decisão seja contrária à do Estado, respondendo civil e criminalmente”, explica o comunicado que leva o crivo da ACIASMS, CDL e CODESAMAS.

“Diante disto, o Decreto Estadual será acatado e somente as atividades essenciais, conforme prevê o Decreto poderão estar em funcionamento, os demais deverão fechar durante o período de zero hora do dia 27 de fevereiro de 2021 às 05 horas do dia 08 de março de 2021”, acrescenta o documento emitido pelos três organismos que representam a sociedade, comerciantes, industrias, prestadores de serviços, entre outros.

O comunicado pede por cooperação e cita uma questão que supostamente pode ter contribuído para levar a este posicionamento. “Neste momento pedimos a colaboração de todos os empresários, pois estamos pagando o preço de aglomerações clandestinas e dos descumprimentos das normas sanitárias, as quais devem ser denunciadas rigorosamente”, aponta o documento repasso para associados nesta sexta-feira.

Ainda, segundo a nota, as três entidades deverão manter diálogo com a prefeitura e defende a classe empresariais, evitando que “decisões tomadas não sejam unilaterais”. Enquanto que, os estabelecimentos que ficarão abertos (os chamados essenciais) deverão tomar todos os cuidados sanitários e cumprir medidas de controle sanitário, conforme cita o Decreto do governo do Paraná.

*Nota: a arte com o comunicado foram distribuídos por redes sociais e em seguida apagado, mas a imagem circulou em grupos e mensagens privadas. Representantes consultados pela reportagem admitiram a elaboração de documento sobre o assunto, mas sem melhores detalhes.

Da redação Cultura Sul FM e arte distribuída pelas entidades aos associados

Veja também