Natural de São João de Triunfo, prefeito de Contenda tem alinhamento com Bacil

 Natural de São João de Triunfo, prefeito de Contenda tem alinhamento com Bacil

Antonio Adamir Digner é o novo prefeito de Contenda. Conhecido pelo apelido Mostarda ele é natural de São João do Triunfo. Empresário bem sucedido se candidatou para a disputa ao executivo municipal no ano passado e foi eleito. Na gestão que iniciou em 1º de janeiro de 2021 ele tem apoio do deputado estadual Emerson Bacil junto ao Governo Carlos Massa Ratinho Junior.

Antônio é um empresário e reside em Contenta há 25 anos. Seguiu para o município para trabalhar em uma empresa de transporte de um amigo. Dois anos depois criou a empresa Mostarda Transportes. A decisão de se candidatar foi por ter sentindo a necessidade de politicas para o desenvolvimento da cidade, com foco em promoção de empregos e atração de empresas e indústrias.

Se reuniu com empresários há anos atrás e, segundo ele, ‘hoje colhe os frutos’. Mostarda afirma que continuará ‘plantando sementes para o desenvolvimento da cidade’. Sua campanha foi feita sem promessas, nunca foi político e seguirá o seu plano de governo tendo como principal objetivo uma área industrial. “Pois a cidade está bem localizada, há outros projetos na área de educação e saúde, procurando copiar projetos que dão certo nas cidades vizinhas visando que em Contenta também se desenvolvam bem”, explica.

Sobre a porcentagem da votação de mais de 60%, no seu entendimento é um fato inédito no município. Ele se uniu ao vice, Gilmar Carpejani, que era da oposição e foi vereador por três mandatos. Agora eleitos tem as portas do governo estadual abertas pela representatividade regional de Emerson Bacil, segundo ele.

“O município terá muito sucesso e só ganhara com esse alinhamento”, ressalta sobre o deputado Bacil ser o representante do seu governo no Governo do Paraná. A escolha dos secretários foi por pessoas qualificadas, sem politicagem e nada de compromisso de campanha, sem o famoso ‘toma lá, dá cá’.

O prefeito avaliou que a pandemia de Covid-19 é um assunto delicado. “No ano passado perdemos muito a nossa liberdade, o povo muitas vezes não entende a situação real do perigo desse vírus. Contenda tem decretos seguindo o governo do Estado, alguns pontos serão revistos, mas sempre tomando como base na preservação vida evitando aglomerações e tumultos”, defendeu Mostarda.

Veja também