Falso delegado usa troca de mensagem com menor de idade para golpe em Paulo Frontin

 Falso delegado usa troca de mensagem com menor de idade para golpe em Paulo Frontin

Foto: Divulgação Sintrapp contra golpes

O crime de extorsão ocorre após a vítima trocar mensagens, geralmente com alguém se passando por uma mulher. Na armação do golpe, o passo seguinte é o bandido se passar por autoridade policial e exigir pagamento para não prender o envolvido, alegando a conversa ter sido com menor de idade e indicando crime de estupro de vulnerável. Foi o que supostamente aconteceu em Paulo Frontin.

Após realizar um pagamento de R$ 5 mil para o criminoso, no caso se passando por delegado de Polícia, o morador da localidade de Vera Guarani teve novo pedido de depósito, no valor de R$ 3,8 mil e procurou a Polícia Militar (PM). Tudo iniciou na troca de mensagens com alguém, possivelmente, ligado ao golpista (ou o próprio) e a posterior ameaça de denúncia por estupro de menor. A vítima recebeu orientação da equipe policial sobre procedimentos cabíveis.

Portal 97 com informações da PM e imagem de arquivo/ilustrativa pixabay.

Últimas notícias