Sesi Paraná lança Programa de Saúde Mental

 Sesi Paraná lança Programa de Saúde Mental

Você sabia que as doenças mentais são a terceira maior causa de afastamentos do trabalho no Brasil? De acordo com o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS), cerca de 9% da população brasileira sofre com ansiedade e 6% com depressão, o que piorou durante a pandemia. Ainda segundo o INSS, em 2022, mais de 200 mil pessoas foram afastadas do trabalho por transtornos mentais e comportamentais no Brasil. No Paraná, o número chegou a 10 mil.

A principal dificuldade em diminuir esses índices está no fato de, diferente de outras enfermidades, uma pessoa levar em média dois anos para ser diagnosticada com doença mental no Brasil. É por isso que atuar de maneira preventiva, com o rastreamento de riscos, é tão fundamental. “Um transtorno mental evolui aos poucos, o que leva ao absenteísmo quanto ao presenteísmo nas empresas, que é quando a pessoa está presente, mas não está engajada, reduzindo sua produtividade”, afirma Guilherme Murta, médico do trabalho e coordenador de Saúde do Sesi Paraná.

Por outro lado, uma cultura organizacional favorável pode auxiliar na saúde emocional das pessoas, atuando na prevenção. “O trabalho traz desafios, permite que expressem potencial, faz bem pra autoestima”, completa Guilherme. “Por isso é algo que pode ser muito bem aproveitado pelas organizações com boas práticas.”

Para servir e fortalecer a indústria e melhorar a vida das pessoas, o Sesi Paraná lança o Programa de Saúde Mental. Ele é todo baseado nas diretrizes publicadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT), que orientam as ações das organizações quando o assunto é saúde mental no trabalho.

O Programa de Saúde Mental do Sesi Paraná é dividido em três eixos:

1 – Prevenção: mapeamento dos fatores de riscos psicossociais da empresa por meio de questionário respondido pelos colaboradores com a avaliação de oito áreas.

2- Promoção e proteção: capacitação de gestores e oferta de palestras.

3- Suporte – encaminhamento terapêutico.

O objetivo é apoiar as indústrias paranaenses para que reduzam o absenteísmo e presenteísmo, consequentemente aumentando a produtividade, e promovam ambientes cada vez mais favoráveis ao fortalecimento e a manutenção da saúde mental de seus colaboradores. Guilherme enfatiza que o tema saúde mental ainda é muito estigmatizado e a forma de mudar isso, é a informação. “Com um programa desses dentro das empresas, a mudança ocorrerá de dentro das indústrias para a sociedade, ocorrendo grande impacto social”, finaliza.

Portal 97 com informações da Agência FIEP

Fique bem informado, clique no ícone abaixo e faça parte da nossa comunidade, recebendo as notícias em primeira mão:

Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe Portal 97 pelo WhatsApp (42) 99907-2942

Últimas notícias