Polícia Ambiental flagra destruição de 2,2 hectares de vegetação nativa em Rio Azul

 Polícia Ambiental flagra destruição de 2,2 hectares de vegetação nativa em Rio Azul

Em atendimento a denúncia, Policiais Ambientais constataram em uma propriedade na localidade de Porto Soares, município de Rio Azul-PR, a destruição de 2,2 hectares de vegetação nativa mediante destoca e uso de fogo para limpeza do terreno.

Foi apreendido no local 100 m³ de lenha nativa e 10 m³ de toras de pinheiro araucária – espécie ameaçada de extinção, sem autorização. O responsável pela área foi autuado no valor de R$ 42.000,00 e a Polícia Civil oficializada para medidas criminais cabíveis

Da redação com informações e fotos Polícia Ambiental

Veja também