Em SC, 30% das vacinas contra Coronavírus serão para trabalhadores industriais

 Em SC, 30% das vacinas contra Coronavírus serão para trabalhadores industriais

A determinação vale para todo os municípios catarinenses. A decisão foi anunciada no sábado passado (03/07) em reunião da Comissão Intergestores Bipartite ligada à Secretaria de Estado da Saúde. Com a reserva de 30% do total de doses de vacina contra a Covid-19 recebidas, a partir desse ato, os trabalhadores da indústria passam a ter prioridade independentemente da idade.

A medida é originária da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), visando a manutenção do sistema industrial e a economia no Estado. Sobretudo, para manter ativas as fábricas e investimentos. São aproximadamente 800 mil trabalhadores no setor. Deste número, mais de 30% já foram vacinados por faixa etária ou comorbidades. Os demais, na sequência, receberam suas doses de imunizante.

Para a comprovação, os trabalhadores industriais terão que apresentar carteira de trabalho ou crachá funcional, ou contracheque com documento de identidade, além da declaração da empresa com indicação de CNAE e da sua descrição. Ainda não se sabe se haverá dia específico para esta categoria vacinar ou se a vacinação se dará junto com a por faixa etária, retomada recentemente em todo o Estado.

Já nessa segunda-feira (06/07), os trabalhadores da indústria de Santa Catarina começaram a ser vacinados contra a Covid-19. A incorporação do último grupo prioritário para a imunização no Estado ocorreu com a distribuição aos municípios de 182.450 doses dos imunizantes da Janssen e 91.260 da Pfzer. Desses totais, 82 mil doses seguem para as pessoas que comprovam vínculo empregatício no setor.

Da redação com informações e foto do Governo de Santa Catarina

Veja também