“Microempresas receberão auxílio emergencial no Paraná”, destaca deputado Bacil

 “Microempresas receberão auxílio emergencial no Paraná”, destaca deputado Bacil

O Governo do Paraná regulamentou o pagamento do auxílio emergencial para microempreendedores individuais (MEIs) e microempresas de todo o estado. O texto assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Júnior, irá ajudar as empresas que se enquadram nos requisitos e foram afetadas durante a pandemia. O deputado estadual Emerson Bacil avalia que a medida é importante para amenizar perdas com a Covid-19 e favorece pequenos empresários.

O apoio financeiro será de R$80,28 milhões distribuídos entre 124.960 empresas ativas. “Este recurso é do Fundo de Combate à Pobreza do Paraná, ou seja, um programa do governo que inteligentemente irá beneficiar mais de 120 mil empresas. Sabemos da necessidade dos microempreendedores durante a pandemia e sem dúvidas este apoio chegou em uma boa hora”, comenta deputado estadual Emerson Bacil.

Os pagamentos para microempresas enquadradas em segmentos específicos cadastradas no Simples Nacional, registradas até 31 de março de 2021 e com faturamento de até R$ 360 mil/ano, receberão R$ 1.000 divididos em quatro parcelas de R$ 250. Por sua vez, as microempresas que não possuem inscrição estadual e MEIs terão direito a R$ 500, em dois pagamentos mensais de R$ 250 cada.

“É grande a necessidade de capital de giro para essas microempresas, parabenizo o governador Ratinho Júnior por este apoio criado pelo Governo do Estado na recuperação da economia do Paraná”, conclui Bacil. Sobretudo no momento de crise sanitária e que muitos ficaram com serviços comprometidos e perderam rendimentos, destaca o deputado. “O que fortalece a importância desta medida”, reafirma.

Ele comenta sobre a preservação e geração de empregos por meio do programa. “Com essa ação, indiretamente o desemprego irá diminuir, pois com o auxílio, microempresas não serão fechadas e muitos trabalhadores irão manter suas rendas, além de microempreendedores conseguirem recuperar o prejuízo causado pela pandemia e contratar mais funcionários”, finaliza Bacil.

O primeiro pagamento será no dia 30 de junho. Para ter acesso a documentação necessária, ao suporte financeiro, de acordo com a regulamentação editada pela Casa Civil, os empresários deverão se cadastrar pelo http://www.auxilioemergencial.pr.gov.br

Da redação com Cultura Sul com informações da assessoria do deputado Emerson Bacil

Veja também