Vereadores de Canoinhas se mobilizam contra investimento estadual em rodovias federais

 Vereadores de Canoinhas se mobilizam contra investimento estadual em rodovias federais

Um requerimento (ofício), assinado por todos os parlamentares de Canoinhas, direcionado aos deputados estaduais, solicita posicionamento pela manutenção do Veto ao Projeto de Lei nº 065.7/2021 que autorizava este investimento em obras nas rodovias federais: BR-470, BR-280 e BR-163. O documento foi debatido na sessão desta semana e tem como destino a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

Segundo a Câmara, “abertura de crédito especial em favor da Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, diante das inconstitucionalidades na matéria, especialmente pelas emendas apresentadas que aumentaram as despesas e oneram os cofres catarinenses com a manutenção das rodovias federais”. Ao passo que, os vereadores afirmam que estradas estaduais estão em estado precário.

Inclusive, a situação põe em risco a vida dos usuários, como exemplo a SC 477 que liga Canoinhas a Papanduva e a SC 120 que liga Canoinhas a Timbó Grande e Lebon Régis. Ambas, necessitam de recursos para a elaboração do projeto e execução para pavimentação, “como tantas outras rodovias estaduais que estão carentes de recursos para melhorar a qualidade da segurança e tráfego”, destaca a Câmara.

“É obrigação e dever do governo federal fazer isso no meu entendimento e não do nosso governo”, enfatizou o vereador Wilmar Sudoski. Segundo ele, a SC 120 aguarda há anos por asfalto e a SC 477 quase intransitável, enquanto as cidades estão crescendo e as rodovias não suportam mais o fluxo. “Precisamos mobilizar nossas forças como vereadores e que o governador do estado invista na nossa região”.

Da redação com informações e foto da Câmara de Canoinhas

Veja também