Antônio Olinto associa diálogo e proteção às pessoas para emitir novo Decreto

 Antônio Olinto associa diálogo e proteção às pessoas para emitir novo Decreto

Sem deixar de lado a proteção às pessoas, num momento delicado da pandemia de Covid-19, mas dialogando com setores do comércio local e cidadãos. Desta forma que o prefeito Alan Jaros informa ter elaborado o Decreto nº 091/2021, seguindo os parâmetros e período de validade do estadual em vigor. Na sua rede social ele publicou esclarecimento demonstrando sintonia com os interesses de Antônio Olinto, bom senso e pedindo compreensão.

O prefeito confidencia que dialogou com a grande maioria dos comerciantes locais para fazer um Decreto que atenda às necessidades do setor, sem expor ao risco os munícipes. “Nossos comércios de roupas e utilidades e os salões de beleza podem funcionar no sábado de Páscoa, dia 3 de abril, até às 13h. Conversei pessoalmente com nossos comerciantes, sei da necessidade dos empresários de venderem seus produtos e das pessoas precisarem comprar”.

Alan Jaros descreve que é “sensível ao o que precisa o nosso cidadão de Antônio Olinto. Assim pedindo a compreensão de todos!”. O município segue o Decreto Estadual nº 7.230/2021. “Nossa preocupação é com as pessoas. Os moradores de Antônio Olinto têm o nosso respeito e estamos dialogando com cada um e tendo o cuidado com a saúde de todos nós”, reafirma.

“Sabemos da responsabilidade de cada um, de não fazer aglomerações, manter o distanciamento entre os clientes, usar máscaras e ter o álcool em gel. Limitar a capacidade das pessoas nos estabelecimentos pela metade do total do espaço, 50%”, observa o prefeito. O Decreto, também, permite que celebrações religiosas possam ter público de até 15% da sua capacidade, mas de preferência que os fiéis acompanhem de suas casas.

Alan Jaros demonstra preocupação com o movimento de visitantes no período pascoal, mas sem impor restrições, impedir ou vedar a liberdade das pessoas e pede que todos tomem cuidados consigo e próximos. “Aquele chimarrão é saboroso, mas não devemos entrar na roda e passar a cuia de mão em mão, infelizmente. Usar os mesmos objetos oferece risco de contaminação com o Coronavírus. Por isso, queremos a compreensão de todos para, também, não reunir muitas pessoas e evitar aglomerações nas residências”, escreveu.

“Nosso mandato é marcado pelo diálogo e é assim que nós estamos conduzindo a prefeitura com bom senso e ouvindo as pessoas. Nossas decisões vêm no maior consenso possível, sem querer ditar regras ou impor medidas, mas cuidando de todos”, completou o prefeito. Ao final, Alan Jaros frisou estar “sensível ao o que precisa o nosso cidadão de Antônio Olinto. Assim pedindo a compreensão de todos!”.

Da redação Cultura Sul FM com informações da publicação do prefeito Alan Jaros e foto da prefeitura de Antônio Olinto

Veja também