Palmeiras do Rio das Pedras busca o bi na Taça Planalto, mas respeitando o adversário

 Palmeiras do Rio das Pedras  busca o bi na Taça Planalto,   mas respeitando o adversário

A finalíssima da Liga Esportiva Canoinhense é neste domingo (03/11), em São Mateus do Sul. O 2º jogo da final da Taça Planalto 2019 coloca frente a frente o time são-mateuense do Palmeiras do Rio das Pedras Futebol e o Botafogo de Canoinhas. Mesmo jogando em casa e com boa vantagem, o time prega respeito ao adversário, mas busca o bicampeonato.

Na 1ª partida, o Palmeiras venceu por 4×1 o Botafogo. O jogo deste domingo é no estádio Clemente Gelinsk, no Clube União Vila Prohmann. “Expectativa é muito boa. A gente vai estar com o time completo”, destaca o presidente do clube, Antony Soares Pedro. O elenco favorece, para possíveis substituições no 2º tempo, sem deixar cair o nível. O que acabou sendo fator preponderante em Canoinhas.

Com postura de seriedade, mas demonstrando amplo respeito pelo adversário, o presidente ressalta que a equipe entra em campo com vontade de vencer o jogo. “Estamos respeitando. Sabemos que o time deles é bom, mas vamos brigar por uma vitória aqui em São Mateus do Sul”, explica. “Para abrilhantar”, acrescenta.

Antony cita a dificuldade, não ter incentivo da prefeitura. Segundo ele, mesmo sabendo que para receber apoio logístico, como transporte e arbitragem por exemplo, é necessário ser associação e de utilidade pública o presidente explica que poderia a administração encontrar outras formas de auxílio. Por exemplo, incentivar que empresas colaborem.

Em contato com a prefeitura, a reportagem apurou que realmente seria necessário que a equipe tivesse a utilidade pública para receber ajuda. Arbitragem e transporte, por exemplo, e que precisa se resguardar juridicamente para não ter implicâncias legais. Por sua vez, Antony disse que outras cidades tem auxiliado times e que poderia ser rediscutido alguma forma de apoio.

“Mas temos apoio dos empresários”, explica. E isso acaba compensando a falta de apoio do poder público. “O pessoal se propõe em ajudar”, completa. O time acaba sendo movido pela paixão. Cinco anos à frente do Palmeiras, Antony contabiliza títulos. Com perspectivas de ganhar mais um campeonato no domingo. “Além da cidade, representamos nossos patrocinadores”, frisa.

Com disciplina e sem histórico de confusão ou briga, a equipe tem apreço aos adversários e arbitragem. “Isso que é legal”. De acordo com o presidente, há sim um postura de buscar a vitória e ganhar títulos, mas dentro da esportividade. A partida tem início às 15h30, com entrada gratuita. A equipe estende o convite para os amantes do futebol irem até o estádio e torcer pela equipe que defende e representa São Mateus do Sul.

Dá Redação

Veja também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *