Prefeitura não recebe ambulâncias por estarem fora de especificações descritas na licitação para compra

 Prefeitura não recebe ambulâncias por estarem fora de especificações descritas na licitação para compra

O município de São Mateus do Sul foi contemplado e licitou um recurso de R$ 248.660,01 para aquisição de três ambulâncias para transporte de pacientes. Após concluir o processo licitatório, a empresa vencedora do certame – feito via pregão eletrônico sob nº 016/2019, Concept Comercial e Serviços Ltda, com preço de R$ 232.797,00 – entregou os veículos, mas eles foram recusados pela prefeitura.

A reportagem da Rádio e Portal Cultura Sul FM buscou informações com setores da administração do município que esclareceram o motivo da recusa: não atendiam às especificações descritas no processo licitatório e que perfazem o contrato de compra. O prazo para entrega dos três veículos se encerra nos próximos dias e, de acordo com a apuração jornalística, a empresa foi notificada pela prefeitura.

O contrato da compra cita a “aquisição de 03 (três) veículos tipo furgoneta adaptados para ambulância de simples remoção, e equipamentos diversos, de acordo com as especificações constantes no Anexo I do Edital”. Os recursos são do Ministério da Saúde e angariados via cadastro no sistema feito pela prefeitura de São Mateus do Sul que, também, é responsável pela condução de todo o processo.

A informação obtida pela reportagem é de que, na hora da entrega, servidor municipal – fiscal do contrato responsável por receber os veículos – verificou que “não atendiam ao previsto no edital” e a administração municipal não aceitou receber as ambulâncias em condições diferentes das licitadas. Por conta disso, a empresa foi notificada e deverá se manifestar nos próximos dias.

“Precisamos prestar serviços com qualidade e disso a necessidade dos veículos atenderem às especificações propostas na licitação e que estão conforme orienta o Ministério da Saúde”, explica o secretário de Saúde, Marcos Alberto Diedrichs Filho. O gestor da pasta encaminhou o relatório do fiscal do contrato à secretaria municipal de Administração para as providências cabíveis.

Da redação com fotos recebidas via WhatsApp da rádio Cultura Sul FM

Veja também

Leave a Reply