Oficial da PM é executado com seis tiros de calibre 12 e mais oito de .40 todos na cabeça

0

Nesta tarde de segunda-feira (29), o tenente-coronel Valdir Copetti Neves foi morto a tiros na região rural de Ponta Grossa na estrada de acesso ao Botuquara. Neves foi encontrado morto com seis tiros de calibre 12 e mais oito de .40, todos na cabeça.

O corpo do oficial reformado da Polícia Militar (PM) estava no interior de um carro, o Instituto Médico Legal (IML) estão no local, recolhendo informações pertinentes ao caso. O oficial era aposentado da PM e era acusado de formar uma quadrilha com policias aposentados, que fariam a guarda ilegal de terras em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais, em 2004.

Condenado em 2009 a 18 anos e 8 meses de reclusão e à perda do cargo, sob a acusação, entre outros crimes, de tráfico internacional de armar e formação de quadrilha. Neve ainda teria sido denunciado pelo Ministério Público (MP), por formar milícias armadas, protegendo fazendeiros contra invasões de terra, sendo ainda um dos ouvidos pela CPI do tráfico de Armas em 2005.

Da Redação Portal Cultura Sul FM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here