Criminosos tentam aplicar golpe do Falso Sequestro em Antônio Olinto

0

Apesar das inúmeras reportagens orientando sobre o golpe do Falso Sequestro, ainda é comum vermos pessoas serem extorquidas por marginais que se aproveitando do estado emocional das vitimas conseguem aplicá-lo.

Nesta manhã de terça-feira (15/05), moradores do município de Antônio Olinto, passaram por muita preocupação, pois teriam recebido ligações de sequestro de familiares.

Segundo Informações da Polícia Militar (PM), de Antônio Olinto, registraram nessa manhã, três casos de falso sequestro, onde os criminosos ligam para suas vítimas, e partição o crime, ressaltando que estão com algum familiar, ameaçando de morte e pedindo dinheiro para o resgate.

Ainda segundo os policiais, as famílias entraram em estado de choque, pois a situação é nova na região, perdendo a atenção no caso, os PMs ressaltam, que caso aconteça algo parecido com alguém próximo, a principal maneira de reagir, é manter a calma, não se precipitar com a situação e ligar imediatamente para a Polícia, via 190.

Informações extraoficiais, registradas pela reportagem do Portal Cultura Sul FM, ressalta, que os bandidos, estariam utilizando uma lista telefônica da região, pra cometer a enganação.

COMO EVITAR CAIR NESSE GOLPE

Em primeiro lugar, apesar da pressão psicológica que irá receber, procure manter a calma; Evite falar o nome do suposto sequestrado e peça informações que confirmem se há realmente alguém feito de refém; Procure entrar em contato com a pessoa que alegam ter sido sequestrado; Se não conseguir, pergunte algo que apenas aquela pessoa saberia responder (nome de um avô, do melhor amigo, nome do cachorro…).

E tenha consciência que em praticamente a totalidade dos casos é apenas um golpe que estão tentando aplicar para lhe extorquir dinheiro e quanto mais calmo conseguir se manter, mais rápido irá conseguir se livrar e desligar o telefone. E procure sempre registrar a ocorrência, pois somente assim a polícia poderá tentar identificar o autor da ligação para poder responsabilizá-lo.

Da Redação Portal Cultura Sul FM, informações Anderson Maciel Ferreira, reportagem: Lucas Ricardo Cordeiro Ferreira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here