Atlético-MG bate o Figueirense e avança na Copa do Brasil

0

No encontro de alvinegros, válido pela terceira fase da Copa do Brasil, o Atlético-MG levou a melhor, derrotou o Figueirense nas penalidades e avançou na competição nacional. Depois da vitória catarinense no tempo normal, por 2 a 1, com gols de Zé Antônio e Jorge Henrique – Ricardo Oliveira marcou para os mineiros -, a decisão foi para os pênaltis. Nas cobranças, Victor brilhou e defendeu os chutes de Jorge Henrique e Diego Renan – 4 a 2.

Os visitantes começaram o jogo com a necessidade de fazer gols, já que na partida de ida foi derrotado por 1 a 0. Milton Cruz armou seu time para pressionar a saída de bola do Galo. Deu certo. O time dominou até abrir o placar, aos 21 minutos, através de cobrança de falta de Zé Antônio. Em vantagem no marcador, o time encolheu, e o Atlético aproveitou. Quatro minutos depois, Ricardo Oliveira recebeu livre na área e não perdoou. Depois disso, os donos da casa dominaram a partida. O próprio camisa 9 quase virou em um belo chute de fora da área.


A etapa final começou com mudanças nos dois lados. Betinho, lesionado no fim do primeiro tempo, deu vaga para Pereira. No Galo, Gabriel não conseguiu mais ficar em campo por causa de conjuntivite e foi substituído por Iago Maidana. Depois de alguns minutos tranquilos, as equipes começaram assustar. Quem se deu melhor foi o visitante, que marcou mais uma vez. Aos 25, André Luis tentou fazer o pivô, a bola ficou solta na área, Jorge Henrique aproveitou e tocou rasteiro, no canto de Victor. O Atlético-MG não se abateu e tentou o empate, mas não foi feliz nas finalizações. Vitória catarinense no tempo normal e decisão nas penalidades.

Matéria: Globo Esporte

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here