Família de homem preso nessa manhã de terça, fala sobre o caso

Filha do homem relata sobre o caso.

0
3205

Uma matéria citada no Portal Cultura Sul FM, gerou repercussão por familiares envolvidos, “Homem é suspeito de atear fogo na casa de sua ex-mulher em São Mateus do Sul”, a família questiona a versão da Polícia Civil perante aos fatos.

A matéria na versão do Delegado de Polícia Civil

Um homem acusado sobre ser o principal suspeito de um incêndio criminoso, foi preso pela Polícia Civil de São Mateus do Sul, ele também haveria mandado de prisão em seu desfavor pela lei Maria da Penha.

A prisão aconteceu por volta das 7h30 desta manhã de terça-feira (18), em sua própria residência na localidade da Vargem Grande, interior de São Mateus do Sul. L.S.P de 46 anos, é o principal suspeito de atear fogo a casa do companheiro de sua ex-mulher no dia 15 de setembro de 2018 na localidade do Lajeadinho.

O homem foi indiciado ao incêndio, porém nega a autoria. Segundo o delegado responsável da 3ª Divisão de Polícia Civil – Jonas Peixoto do Amaral, o homem passa por três acusações. “Ele é suspeito do incêndio, possuía mandado de prisão sobre a Lei Maria da Penha e ameaças e descumprimento da medida protetiva” ressalta.

O incêndio

No dia 15 de Setembro, um homem recebeu informações do Corpo de Bombeiros de São Mateus do Sul, que sua casa estaria pegando fogo.

Populares disseram que escutaram barulho de moto, logo após isto, o incêndio se proporcionou por toda a casa. A casa seria do companheiro da ex-mulher do homem acusado.

Versão da Família

Segundo J.S.P, filha de L.S.P, explica que o caso foi repassado equivocado pela guarnição de Polícia Civil, segundo ela, o seu pai somente descumpriu a  medida protetiva, e não por ser suspeito do incêndio em razão de sua integridade. Ainda de acordo com J.S.P, seu pai nem foi ouvido sobre o caso.

“Meu pai é suspeito de ser o incendiário de uma casa na localidade do Lajeadinho, porém no dia do incêndio, meu pai estava com meu filho, onde até possuo fotos dele fazendo o neto dormir” conta. A mulher ainda informa a reportagem do Portal Cultura Sul FM, que L.S.P nunca encostou um dedo em sua mãe.

Da Redação Portal Cultura Sul FM.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite seu nome